De barriga

terça-feira, agosto 15


Visita aos avós:

Avó – Então? E tu filha? Quando nos dás um netinho ou uma netinha?
Eu – Oh vó! Eu sei lá… Nem marido quanto mais filhos…
Avó – Tens de te despachar filha, antes que a gente morra!
Eu – Mas as minhas prioridades são outras para já…
Avó – Oh filha, mas tu já tens mais que idade, não podes esperar muito mais…
Eu – Errr… E o avô como tem andado???

E agora? Como se dá a volta a este assunto? Juro que já pensei e repensei o assunto…

Hipótese 1 – “Isso nunca vai acontecer! Se alguém ficar grávida será a minha esposa, sim gosto de mulheres, aliás sou lésbica… E ela engravidará quando a encontrar, claro! E se ela quiser, claro! E se ela achar que deve ser comigo, claro!”
Resultado esperado – Colapso cardíaco!

Hipótese 2 – “Sou estéril” (mentira, claro)!
Resultado esperado – Perguntas e mais perguntas.

Hipótese 3 – “Preciso do dinheiro que uma criança consome para fazer uma volta a mundo, e eu quero muito viajar!”
Resultado esperado – Colapso cardíaco!

Hipótese 4 – “Crianças? O que é isso?”
Resultado esperado – Um estalo!

Nenhuma me parece apropriada confesso! Raios...

10 comentários:

Cacau disse...

Pois...realmente...nenhuma me atrai...pelos menos dessas porque eu quero ter filhos... e já tenho dador. :)

Beganga disse...

hmmm... por cá o verdadeiro drama é mais o "marido":
- Ai filha, quando é qu arranjas nouve? ê morria tan máhs descansada..."
- Pous, pra mamã não morrê tan cede isso é cousa que não é prágora"...
----
Suores frios com esses temas dificeis...

o eu do território disse...

diz que não tens vocação para isso.
...
estória:
no casamento de um amigo a mãe dele abordou-me como é óbvio saltou a questão... "e então casar, ter filhos, blá, blá?"... ao que eu respondi que não tinha "vocação"... ao que ela respondeu que também tinha um filho assim - mas isso já eu sabia, ah ah!!
mas a estória da vocação teve origem na resposta da minha mãe à minha avó e desde aí que tenho utilizado sempre essa técnica... ao que parece resulta, porque vocações não se discutem!

Beganga disse...

:))))
Tá bem visto!

AR disse...

Cacau:
Hummm, dador!? Nome interessante...

Eu do território:
Vou tentar a "vocação" se resultar eu depois conto. Gracias pela dica...

Beganga:
É mesmo isso, suores frios!!!

Anónimo disse...

Eu gostava tanto de ser o Pai das crias da AR...mas sem termos de passar pela parte da concepção. URGH
Seriam umas crianças LINDAS. E assim podiam ir todos felizes pró Céu.
O que é "vocação" ??

Ginja disse...

AR...pelo teu humor...candidato-me já a engravidar de ti...:)
E mesa, 3, 10.... qualquer uma desde que contigo e gelo no copo...

AR disse...

Aí! Tantos "dadores" à minha disposição, já estou de bábete! Tão coradinha que nem o gelo me arrefece...:P

Ginja disse...

AR...nesta situação é mesmo sem gelo... Tudo ardente...intenso... continuo candidata...:)

Anónimo disse...

OH Meu Deus.Meninas acalmem-se!! Desta maneira estão a dar um valente empurrão ao aquecimento global.