Dica nº 2 (esta é um pedido)

sexta-feira, março 19

Agora que tenho a vossa atenção, peço:
PARTILHEM O VOSSO SORRISO!!!!
Vejo tanta gente bonita mas incapaz de sorrir!
Haverá assim tanta má disposição nas lésbicas?
Será uma maneira de "marcar" território?
Será que pensam que ao sorrir lá se vai parte do figurino?
Será que foram obrigadas a sair e é uma forma de protesto
por efectivamente se estarem a divertir??
Ops....lá se vai a dica transformar num questionário:
*
PORQUE NÃO SORRIEM AS LÉSBICAS??
Ressalva: não estou a ser generalista, mas a percentagem é elevada...
*
Até breve, que vou ali distribuir uns sorrisos e já volto!
*
Saudações

9 comentários:

Anónimo disse...

Penso que é uma imagem para vender, embora concordo consigo, sorrir faz bem a nós e a quem recebe. Pensa que é um comportamento que se possa "aprender"?

PS Para onde irá distribuir os sorrisos? é que o sol faz muita falta!!!!

Inha disse...

Boa pergunta! Já a fiz muitas vezes, acho que é uma armadura que muitas lésbicas vestem quando estão em público, tipo- "eu sou uma durona, logo não te metas comigo, sim, sou lésbica e como o mundo está de mal comigo eu estou de mal com o mundo!". Faziam mesmo bem mudar de atitute e talvez o mundo mudasse a atitude para com elas!

Cônsul Simples disse...

Car@ Anónim@,
as técnicas de marketing não servem para todos os artigos, por isso é que estão sempre a ser adaptadas.
Se é algo que se aprende? É algo se que sente! Acredito que a simpatia habita em todos os nós e, em jeito de dica de saúde, o melhor deixá-la sair!!
Resposta ao PS - onde existir boa companhia, boa música e gente bem disposta.

Cônsul Simples disse...

Cara Inha,
dureza é mm a atitude!
Se não querem que se metam c/ elas fiquem no recato do lar a cerzir!
Mas quem é quem é que se dá ao trabalho de sair mascarada de Dumbo??
Substituam a armadura por um decote insinuante!!
Pronto...já passou...voltemos!
Creio que o mundo está a mudar mais rapidamente do que as lésbicas. O direito à felicidade é o mote, independentemente do género.
E lá voltamos: felicidade, sorrir, de bem com a vida!
Saudações

Anónimo disse...

Ola...

Sou uma curiosa das lides dos blogs e alguém completamente fora do armário... :D
Foi duro mas nunca deixei de sorrir... sou alguém que vê na boa disposição e humor as melhores caracteristicas (e as mais atraentes hehehe)...

Se houve diferenças antes e depois? claro... era mais contida, nunca abordava temas como sexo... depois... depois minhas amigas, ninguém me pára hehehe...

Tornei-me confiante e certa do que quero...(com as falhas de qualquer ser humano :)) a única realidade constante na minha vida? um sorriso nos labios e uma piada ou brincadeira sempre pronta...

Humor oculto ao dispor :)

Berta Cem Mil disse...

deve ser dos desgostos de amor, não? não é fácil sorrir com sucessivas facadas nas costas e a sensação de fracasso a latejar nas veias... às vezes mais vale um recato genuíno do que um sorriso falso! importante mesmo é o que temos por dentro...

Cônsul Simples disse...

Car@ Anónim@,
concordo que é duro, mas o peso que se tira de cima permite ter essa (boa) disposição para seguir em frente....e soltinha!! Falhas vão sp existir, se fossem previsiveis deixariamos de soltar umas boas gargalhadas!
Bem-vinda a este blog, que lidamos como podemos ;-), cá a espero para humores menos ocultos.

Car@ Berta,
longe de mim apelar à falsidade de sorrisos e sentimentos.
Qdo o importante é o que temos cá dentro, que será, concerteza, maravilhoso, continuar a dar mais força ao que nos é negativo poderá sobrepôr-se ao que realmente é de realçar e nos torna únicos!
Abra as portas do recato e permita que realmente a vejam!

Saudações

Ola.br.com disse...

Sozinho, solteiro, casado, carente ou à procura de novos amigos? Seu lugar é aqui http://ola.br.com. Venha para o Olá! Cadastre-se no site e torne-se fã do Olá no Facebook também!

Mary Wants a Little Lamb disse...

Eu rio pouco, mas sorrio muito.